O bom ouvido do Comendador

pokon pokon_2019-10-25_ web (1)Todo mundo sabe que um bom músico tem que ter bom ouvido. E um bom produtor musical também. Estou falando isso porque me lembrei agora de mais uma história do Paulinho Albuquerque…Ele me contou, orgulhoso, que já tinha ajudado vários turistas perdidos no Rio de Janeiro.  Numa das vezes, viu um grupo de americanos tentando se comunicar com populares no meio da rua, pedindo informações. Os caras não falavam português e os populares não falavam inglês. Paulinho se aproximou e tentou entender o que os viajantes queriam saber. Os caras repetiam várias vezes a expressão “Prêica Paio Ex”, “Prêica Paio Ex”…Depois de um tempinho, o Comendador decifrou a charada: os turistas queriam ir para a Praça Pio X !

Num outro dia, Paulinho estava num ônibus e uns turistas japoneses tentavam se comunicar com o trocador, perguntando se o ônibus passava num lugar chamado “Pokón”. Mais uma vez, Paulinho se meteu na conversa para tentar ajudar, mas os japoneses também não falavam inglês, e só se comunicavam por mímica, fazendo gestos de quem está comendo, e repetindo: “Pokón, pokón…”. Mais uma vez, o Comendador rapidamente desvendou o mistério: os nipônicos queriam ir para o Porcão, a famosa churrascaria carioca…

E assim, a história desses turistas perdidos terminou com um final feliz, graças ao bom ouvido de um bom produtor musical.

 

2 respostas em “O bom ouvido do Comendador

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s